Criar imagens mentais é um recurso muito útil para aprender vocabulário em um idioma estrangeiro. Isso porque aproximadamente 65% das pessoas aprendem principalmente por meio de estímulos visuais. O que significa que você provavelmente faz parte desse grupo. E, mesmo que não faça, no artigo de hoje, vou ensinar quatro formas de criar imagens mentais eficientes, que podem ajudar você a aprender idiomas com mais facilidade.

criar imagens mentais

Por que usar imagens mentais?

O nosso cérebro funciona através de imagens. Vamos fazer um teste rápido, que vai ajudar você a entender isso! Quero que você pense na sua última visita ao supermercado e tente se lembrar da maior quantidade de detalhes possível.

Pense em coisas específicas, como os itens que você comprou, se você usou uma cesta ou um carrinho, se estava sozinho(a) ou acompanhado(a), como você pagou pelas suas compras… Pronto? Agora, vou fazer uma pergunta: como você se lembrou dessa situação na sua mente? Foi por meio de palavras, sons ou imagens?

Aposto que você respondeu imagens, acertei? Nesse caso, você também aprende com mais facilidade a partir de estímulos visuais, assim como eu. Agora que você sabe o que eu quero dizer com “nosso cérebro funciona através de imagens”, vamos dar um passo adiante e copiar o que os gênios da memória fazem para se lembrar das coisas.

Como criar imagens mentais que funcionam

Meu nome é Lisa Joy e, além de ser uma das professoras de inglês do MosaLingua, eu também aprendo idiomas. Na aprendizagem de idiomas, um truque que realmente ajuda você a aprender novas palavras e frases mais rápido é associá-las a imagens mentais. Por exemplo: se você precisa se lembrar da palavra francesa “soleil” (sol), vai aumentar suas chances de se lembrar dela se associar a palavra a uma representação mental do sol.

Isso sempre funciona? Hummmm… Talvez não, porque pode ser algo muito comum.

Felizmente, criar imagens mentais que realmente funcionam não é complicado. E eu vou ensinar você a fazer isso! Basta que as imagens que você crie tenham uma ou mais dessas quatro características:

  • #1: exagero
  • #2: uma associação incomum
  • #3: movimento
  • #4: apelo emocional

Vejamos cada uma delas para você entender melhor e começar a aplicar isso de imediato na sua aprendizagem.

4 técnicas para criar imagens mentais poderosas

Exagero

Uma boa imagem mental deve ser exagerada. Ou seja: deve ter dimensões e proporções diferentes daquelas a que estamos acostumados. Por exemplo: se você quer memorizar a palavra “pé”, em francês, “pied“, pode pensar em um homem com um pé bem maior do que o outro.

Ou, se você quer aprender a palavra “unghia”, unha, em italiano, imagine uma mulher cujas unhas são tão longas que encostam no chão!

É difícil esquecer esse tipo de imagens.

como-criar-imagens-mentais--que-realmente-funcionam-mosalingua

Associação incomum

Para memorizar a palavra “livro”, pense em um gato lendo um livro, e mantendo-o aberto entre suas patas… Ou pense em extraterrestres usando óculos, para se lembrar da palavra óculos em italiano.

Eu realmente sugiro que você experimente esta técnica, e pense nela como um jogo. Pode ser muito divertido!

Movimento

Você sabia que a sua atenção é mais estimulada pelo movimento do que por objetos estáticos?  É por isso que imagens em movimento se fixam melhor no seu cérebro e são mais difíceis de esquecer.

Se você precisa se lembrar da palavra “coche“, carro, em espanhol, é melhor imaginar um carro em movimento. Ou, se quer se lembrar da palavra “pierre“, pedra, em francês, imagine uma pedra que está se movendo ou rolando. Uma “rolling stone“!

Apelo emocional

As emoções desempenham um papel muito importante em nossa memória. Como você talvez já tenha notado, é muito difícil esquecer lugares ligados a alguma experiência intensa ou associados a momentos de alegria ou tristeza.

Muitas vezes nos surpreendemos de como conseguimos nos lembrar dos menores detalhes relacionados a eles. Ao mesmo tempo em que passamos todos os dias pelo mesmo edifício, indo para o trabalho, sem nunca notar sua cor ou quantos andares ele tem…

Por outro lado, se você não era criança na época, tenho certeza de que se lembra exatamente onde estava e o que estava fazendo quando soube do ocorrido em 11 de setembro de 2001, que foi um dia de grande carga emocional.

É por isso que sempre que aprendo a palavra “cachorro” em outro idioma, por exemplo, “perro“, em espanhol, associo esta palavra com “Mika”… que é o nome do meu cachorro.

“Mika”, “perro“!

Dica extra: criar imagens mentais personalizadas

Isso é tudo! Viu como essas técnicas são fáceis? O que você está esperando para criar suas próprias imagens mentais poderosas?

Uma última observação: quanto mais pessoais forem suas imagens, mais fáceis serão de lembrar. O próprio ato de criar uma imagem mental vai ajudar você no processo de memorização. Portanto, as imagens mentais são mais eficientes se você mesmo(a) as criar.
Então, é isso! Seja criativo(a) e divirta-se!

Bônus: nosso artigo, em vídeo

Para rever estas 4 técnicas e as 5 dicas que trouxemos neste artigo, confira também o vídeo sobre o mesmo tema. O vídeo está em inglês, mas oferece legendas em inglês, português e mais quatro idiomas. Para habilitá-las, basta clicar no ícone da engrenagem, no canto inferior direito do vídeo.

E, se preferir, você também pode assistir a este vídeo diretamente em nosso canal no YouTube. Lá, vai encontrar centenas de vídeos interessantes e úteis para aprender idiomas mais rápido e de forma mais eficiente ūüėČ


Para ir mais longe, confira também: