Guia de pronúncia do espanhol

A pronúncia do espanhol não é assim tão complicada. Basta dispor de boas ferramentas e aplicar boas técnicas para treinar seu ouvido e um pouco de tempo para ouvir recursos de áudio. Isso certamente irá melhorar sua pronúncia do espanhol.  Esse é justamente o objetivo deste guia. Aqui, você encontra todos os recursos e todos os elementos necessários para aprender o alfabeto espanhol e sua pronúncia, letra por letra.

pronúncia do espanhol

Quer aproveitar melhor seu tempo? Baixe o PDF de nosso Guia de Pronúncia do Espanhol

Com ele, você carrega nosso guia em seu smartphone, tablet ou notebook e aprende quando e onde quiser! 😉

O que você encontra nesse guia completo de pronúncia do espanhol?

 

Por que é importante aprender a pronúncia do espanhol?^

  • Para ser bem compreendido(a)  

Se nós aprendemos um idioma, naturalmente temos a intenção de nos comunicar usando essa língua. E a comunicação passa pela escuta. Quando alguém pede que você repita uma frase, isso não acontece porque você não usou bem uma regra de gramática. Na grande maioria dos casos, isso acontece porque você não a pronunciou corretamente! Uma boa pronúncia do espanhol permitirá que os nativos o(a) compreendam. O contrário, ou seja, a falta de compreensão, pode gerar diversas situações delicadas.

  • Para melhorar seu nível no idioma 

Mesmo que alguém conheça perfeitamente as regras gramaticais e a conjugação do espanhol, se tiver uma má pronúncia, inevitavelmente dará a impressão de ter pouco domínio do idioma. Por outro lado, não saber pronunciar as palavras corretamente e, por isso, não ousar falar, representa um verdadeiro freio à aprendizagem e ao progresso. 

Já alguém que conhece um pouco de gramática mas sabe bem como pronunciar as palavras, que conhece bem o alfabeto espanhol e sua pronúncia, sempre se sairá melhor durante uma conversa ou entrevista. Na vida diária, a pronúncia do espanhol é mais importante do que a gramática ou a conjugação verbal. Ela permite que você fale de forma mais fluida e mais natural. E, portanto, que você progrida.

  • Para aumentar sua autoconfiança

Quando não conhecemos a pronúncia correta, nos retraímos, temos medo de falar. Ao contrário, conhecer este ou aquele som do alfabeto espanhol e sua pronúncia correta permitirá aumentar sua autoconfiança. Você verá! Conhecendo os sons e a arte de combiná-los, nada vai segurar você. E você terá prazer em falar espanhol e em se comunicar com pessoas nativas nesse idioma, progredindo cada vez mais.

 

prononciation espagnol : apprendre à parler pour prendre confiance en soi !

 

O básico: a pronúncia do alfabeto em espanhol^

O espanhol e o português são duas línguas íbero-românicas que têm muito em comum. Com exceção do galego (que derivou do português), o espanhol é o idioma que tem maior afinidade com o nosso.

Essa semelhança é a primeira razão pela qual o espanhol é uma das línguas mais fáceis de aprender para os brasileiros.  A segunda tem justamente relação com a pronúncia. Temos a tendência a pensar que a pronúncia do espanhol é complicada. Mas, ao contrário do inglês, por exemplo, não há exceções. E todas as letras são pronunciadas! (Ok… exceto o “h”).  Além disso, a maior parte das letras e dos sons em espanhol também existem em português, o que permite que você aprenda mais rápido do que você pensa!

 

Aprenda a pronúncia d alfabeto em espanhol^

A primeira coisa a estudar quando falamos de pronúncia é exatamente a pronúncia do alfabeto espanhol. De cada letra. De cada som. Ele é levemente diferente do nosso por conter também os  caracteres CH, LL e Ñ. Outro detalhe: assim como no português, a letra W não faz parte do alfabeto espanhol, mas é usada em algumas palavras, principalmente de origem estrangeira.

Confira o alfabeto espanhol e o nome das letras em espanhol:^

A [a]
B [be – be grande]
C [ce]
CH [tche]
D [de]
E [e]
F [efe]
G [ge]
H [atche]
I [i]
J [jota]
K [ca]
L [ele]
LL [elle]
M [eme]
N [ene]
Ñ [eñe]
O [o]
P [pe]
Q [cu]
R [erre]
S [ese]
T [te]
U [u]
V [uve – ve corta/chica]
W [uve doble (ES)],[u doble (AL)]
X [equis]
Y [i griega]
Z [zeta]

 

Para ser capaz de pronunciar corretamente as palavras do idioma espanhol, você deve se concentrar na pronúncia de cada uma das letras do alfabeto.  A boa notícia? Para simplificar essa tarefa desde já, podemos nos concentrar exclusivamente nas letras que são pronunciadas de forma diferente da que temos no português! 

 

As letras semelhantes ao português^

Há várias, o que nos permite ganhar tempo. Para que você tenha uma ideia, todas as letras a seguir fazem parte do alfabeto espanhol e são pronunciadas da mesma forma em espanhol e em português: 

  • as consoantes C, F, H, K, M, N, P e Q
  • as vogais A, I, U 
  • o dígrafo SS

Os sons do alfabeto espanhol que pronunciamos diferente do português^

Agora que já vimos as letras que pronunciamos da mesma forma em português e em espanhol, vejamos as que têm pronúncia diferente. É nelas que você deve se concentrar: 

  • as vogais e O
    EO som do E é sempre “fechado”, como na palavra “você”, em português. Não ocorre som de “i” em fins de palavra, como temos a tendência de falar em nosso idioma.
    OO som do O também é sempre “fechado”, como em “ovo”. Não ocorre som de “u” em palavras terminadas em O, como tendemos a pronunciar no português.

     

  • as vogais seguidas de “N” (an, en, in, on, un)
    vogais + NAo contrário do que acontece no português, essa combinação não gera um som nasalado. Em espanhol, o som é mais aberto. Exemplos: hablan, bancoonda.

 

  • as consoantes  B, D, G, J, L, Ñ, R, S, T, V, X, Y e Z
    B e VEm espanhol, ambas possuem som de B. No caso do V, no entanto, a similaridade do som das duas letras é maior na Espanha. Nos países latino-americanos, o V tende a ter um som intermediário entre ambas as letras. Exemplos: beber, vida, vaso, volver
    DDiferente do português, não ocorre o som “dji” nas combinações D+I e D+E. É um som puro, como em día, decidir, ayude, divide
    GA diferença da pronúncia do G, em relação ao português, é que, quando vem antes do E e do I, tem um som semelhante ao do nosso R inicial (de rua, rato, raso) — similar ao som do J * em espanhol. Exemplos: gélida, género, gacela, golpeaban
    J Tem o som de nosso R inicial (similar ao som que ocorre no espanhol quando temos G+E e G+I). Exemplos: dejajerga, Jesús, jugar
    Ñ Tem o som do nosso NH. Exemplos: muñeca, niña, cariño
    L Tem um som semelhante ao do português, mas nunca com o som de U que damos ao L no fim das palavras. Exemplos: débil, papel, formal
    R Quando inicia uma palavra, provoca uma vibração na boca, e não um raspão na garganta, como fazemos com o R em português. Exemplos: rótulo, romper
    S e ZTanto o S quanto o Z possuem um som igual ao dos dois esses em português. Exemplos: estrella, chistezanahoria, bellezazapato. Detalhe importante: quando o Z vem antes de um O com som aberto, ele é pronunciado com a ponta da língua tocando os dentes superiores, como em corazón, razón. 
    T É pronunciado sempre de forma “seca”, sem aquele som de “tchi” que, no português, temos nas combinações T+E e T+I. Exemplos: carretera, tío, abatido.
    X No começo de palavras ou antes de consoantes, pronuncia-se com som de SS. Exemplos: xenofobia, xerocopia. Já quando o X for seguido de vogal, é pronunciado com som de KS. Exemplos: exámen, exhibir, axis. 
    Y Antes das vogais A, E e O, tem som de I na Espanha e som de J em alguns países latino-americanos. Exemplos: yoyermo, ayer. Já no final das palavras, tem sempre som de I, como em estoy, muy. 

     

  • os dígrafos CH, LL e RR
    CH No espanhol, essas duas letras são pronunciadas com o som “tch”. Ou seja, como se fossem três. Exemplos: ceviche, marcha
    LLÉ provavelmente, o som que mais varia de país para país. Na Argentina e no Uruguai, possui som de “j”, como em “jasmim”. Em algumas regiões da Espanha, o som é mais suave, assemelhando-se ao “lh”, no português. Em outros países, este som se confunde com o do Y, como em “Yasmim”. Exemplos: paella (compare a pronúncia espanhola, mexicana e colombiana, diferente da argentina), calle (compare as duas primeiras pronúncias: uma espanhola e outra argentina).
    RRO “erre doble” no espanhol também tem sempre um som forte, mas diferente do que acontece no português, em que ele “arranha”, no espanhol esse som vibra na garganta. Exemplos: perro, churros

Como você nota, algumas destas letras têm uma pronúncia diferente de acordo com o lugar em que se encontram na palavra. Então, uma vez que você conheça todos os sons, resta apenas a questão da memorização.

  • E, para acelerar a memorização de palavras em espanhol, bem como sua pronúncia correta, você pode usar o app MosaLingua para aprender espanhol e tirar proveito da eficiência do Sistema de Repetição Espaçada. Além disso, o app permite que você defina seu objetivo de aprendizagem (entre viagem, trabalho, socializar, etc) e escolha o que quer aprender.

 

Sotaque e entonação^

As variações de sotaque e a entonação têm um impacto significativo sobre a pronúncia de um idioma. E isso também ocorre no espanhol. O sotaque e a entonação dão ritmo à língua. Depois que você aprende o alfabeto espanhol e sua pronúncia, o próximo ponto a abordar é justamente esse.

 

Que sotaque espanhol você deve aprender?^

Sim… porque, no espanhol, é impossível dizer que haja uma pronúncia, um sotaque e uma entonação. O Espanhol é um idioma muito rico e que diversificou-se nos diversos países em que é falado. Portanto, assim que começar a aprender espanhol, você irá começar a escutar e a se dar conta das diferenças de sotaque.

Quais são as diferenças entre os sotaques do espanhol?^

A língua espanhola é oficialmente falada em 21 países. Cada um deles tem seu sotaque próprio e, às vezes, também palavras que só são usadas localmente. Assim como acontece no Brasil, ocorre também de termos sotaques diferentes em regiões diferentes de um mesmo país de língua espanhola. Algumas características que deixam essas diferenças bem claras, por exemplo, são:

  • a pronúncia do LL que, na Argentina, tem som de CH.
  • o S que, no México se aproxima mais do Z do que do verdadeiro S castelhano.
  • em Cuba, o som do R se parece com o de um H “aspirado”…

Se você acha essas diferenças interessantes, não deixe de visitar este outro artigo no qual falamos especificamente sobre as diferenças entre os sotaques do espanhol.  Além disso, curta o vídeo divertidíssimo abaixo, em que comediante de origem venezuelana Joanna Hausmann imita os sotaques característicos de diferentes países. 😉

 

Como escolher o “melhor espanhol” pra você?^

 

Obviamente, nós não podemos responder essa pergunta por você, mas aqui vão duas questões que podem ajudá-lo(a) a decidir:

  1. Por que você se interessou pela ideia de aprender espanhol?
    Você tem vontade de ir estudar na Espanha? É um fã dos filmes espanhóis? Trabalha em uma área em que tem muito contato com os países vizinhos do Brasil? Arranjou uma namorada argentina? Baseie sua escolha nisso.
  2. Compare
    Há também, aí, uma questão de gosto pessoal. Então compare os diferentes sotaques, usando os vídeos que selecionamos pra você e escolha aquele que mais agrada seus ouvidos. Lembre-se de que você tem uma vantagem sobre as pessoas que nasceram em países de língua espanhola: você pode escolher que tipo de sotaque quer aprender! 😉Então, escolha um de que você goste e, em seguida, pesquise. Há muitos recursos disponíveis online para aprender espanhol sozinho. Pra começar, se você ainda não o fez, dê uma olhada neste, que a Equipe MosaLingua selecionou pra você! 

 

aprendendo espanhol

 

A entonação do espanhol^

Além dos sotaques específicos, em cada país ou mesmo em cada região, há também variações devidas à entonação e à tonicidade das palavras. Quando você aprende espanhol a partir da aprendizagem de palavras e frases, a aquisição de uma boa entonação acontece de forma natural. Portanto, quando você aprende espanhol, é importante repetir cada palavra exatamente como você a ouve, tanto em termos de pronúncia quanto de entonação. 

Essa tonicidade é o que permite dar um ritmo à língua. Se você troca a tonicidade de uma palavra em uma frase, muitas vezes, acaba por mudar o sentido da frase. Então, há algumas regras nas quais é preciso prestar atenção.

Três regras para conhecer e respeitar:^

  • Nas palavras que terminam em som de vogal (a, e, i, o, u, y), em S ou em N, a sílaba forte é a penúltima. Dizendo de outra forma: você dá mais ênfase à penúltima sílaba quando pronuncia, por exemplo, palavras como iglesia, joven ou mano. Naturalmente, há exceções… Mas para todas elas, a palavra em questão leva um acento gráfico que deixa clara a mudança da sílaba tônica! Fácil.
  • As palavras que terminam em consoantes que não sejam N ou S têm a última sílaba como tônica. Ou seja: você dá importância à última sílaba quando pronuncia, por exemplo, ayeranimal. Da mesma forma que na situação anterior, quando há exceções, elas são marcadas por um acento gráfico que torna a tonicidade clara. ‘
  • E, para simplificar a tarefa, as outras palavras que não se encaixam em nenhuma das categorias anteriores têm um acento gráfico. Como por exemplo as palavras árbol, jardín ou atención.

Observe que a posição da sílaba tônica não muda quando a palavra passa para o plural! Retomemos o exemplo de jovem > joven, que se torna jovenes no plural. A ênfase continua no mesmo lugar. Outra coisa: em geral, as palavras que terminam em -ion têm a ênfase sobre o “O”.

 

 

Os melhores recursos para melhorar sua pronúncia no espanhol^

Bom… agora que você já conhece o essencial da pronúncia do espanhol, vamos à nossa lista de recursos que vão ajudá-lo(a) a praticar.

 

Como ter uma boa pronúncia?^

Os apps MosaLingua^

application mosalingua apprendre espagnol

Os aplicativos MosaLingua foram desenvolvidos para ajudar você a aprender as palavras e frases em espanhol necessárias para você entender e se fazer entender nesse idioma. O app MosaLingua Espanhol e o app MosaLingua Espanhol para Negócios são, portanto, ricos em vocabulário. Mas são também ferramentas essenciais para você desenvolver sua compreensão oral e melhorar sua pronúncia.

  • Os arquivos de áudio MosaLingua: todas as palavras e frases dos flashcards disponíveis nos apps MosaLingua (mais de 3500 por app) foram gravadas por falantes nativos. Dessa forma, o app assegura que você ouça e aprenda a pronúncia correta do espanhol.  Ouça, acostume seu ouvido, repita e pratique. Fácil assim…
  • Os diálogos: os apps trazem também diálogos ricos, inspirados em situações do dia a dia, que ajudam você a se acostumar ao sotaque, à entonação e à pronúncia do espanhol. Nossos aplicativos MosaLingua para aprender espanhol trazem mais de +17 diálogos que reproduzem situações da vida cotidiana.
  • O modo mãos-livres: um headphone e seu app MosaLingua para aprender espanhol... Não é preciso muito para você melhorar sua pronúncia! O modo mãos-livres permite que você revise todos os flashcares que já aprendeu simplesmente os escutando. Com ele, você revisa o vocabulário e melhora sua pronúncia no espanhol enquanto se exercita, lava a louça ou espera na fila do ônibus ou do supermercado.

Conheça também nossa lista de recursos gratuitos para aprender espanhol!

 

Os dicionários e outros sites de pronúncia com áudio disponível online^

  • Rhinospike: este site permite que você obtenha a pronúncia correta de uma palavra, de uma frase e, por vezes, até de um trecho inteiro, lidos por um nativo. O acesso é gratuito, e o site  funciona de forma colaborativa. Para conferir a pronúncia correta, basta solicitar. Em troca, você pode ler um texto ou uma frase em português para ajudar alguém.
  • Forvo: reúne toda uma base de dados de palavras e sons em diversos idiomas e gravados por nativos. Portanto, é um site muito interessante quando você encontra uma palavra cuja pronúncia não conhece. Digite-a na barra de busca Forvo > Selecione-a e ouça a pronúncia correta em espanhol. Depois, basta repeti-la até chegar a uma pronúncia semelhante.
  • Google Translate: não é a melhor opção, já que no Forvo e no MosaLingua, por exemplo, as palavras são gravadas por nativos, enquanto no Google Translate, o som é robotizado. Mas digamos que, com esse recurso, ainda é possível ter uma “ideia da pronúncia”.

Nesse tipo de exercício, não deixe de gravar a si mesmo (com seu smartphone ou computador) para poder comparar sua pronúncia à dos nativos. 

 

Como melhorar sua compreensão oral^

  • Assistindo a filmes e séries… Quem disse que a aprendizagem da pronúncia é um processo longo e chato?
    Assistir a filmes espanhóis em versão original, por exemplo, é uma forma ao mesmo tempo eficaz e agradável de aprender a pronúncia do espanhol. Então, para você praticar: conheça nossa seleção de filmes em espanhol e de séries de TV em espanhol. Mais curtas, as séries têm o formato ideal para ajudar você a revisar regularmente (1 episódio por dia, e o dia está ganho!).
  • Ou ouvindo música. Sim. Exatamente como os filmes e as séries, a música espanhola permite que você amplie seu vocabulário… ao mesmo tempo em que assimila a pronúncia do espanhol. Pra facilitar, confira nossa seleção com as melhores músicas para melhorar sua pronúncia no espanhol.
  • Outros recursos de áudio: os podcasts. Com eles, você não ouve cantar, e sim falar em espanhol… portanto, a pronúncia do espanhol é ainda mais clara do que nas músicas. Para usar esse recurso super interessante a seu favor, basta encontrar um podcast sobre um assunto do qual você goste. Assim, ao mesmo tempo em que ouve uma coisa interessante, melhora sua compreensão oral e sua pronúncia do espanhol. Conheça nossa seleção dos melhores podcasts em espanhol e prepare seus fones de ouvido!

Para outras dicas  e recursos, consulte também nosso guia sobre como aprender espanhol sozinho!

como aprender espanhol sozinho online

 

Praticar e ser corrigido(a)…^

Ainda que seja o aspecto menos impressionante, praticar o idioma é a  melhor maneira de melhorar sua pronúncia do espanhol. A boa notícia é que você pode fazer isso sozinho(a), e sem sair de casa. Para começar essa é a maneira mais fácil. Mas, aos poucos, você começará a sentir necessidade de interagir com alguém capaz de corrigir seus erros.  

Quando chegar a esse ponto, o que você pode fazer? Você pode encontrar professores online, que o(a) ajudarão a praticar e a melhorar sua pronúncia do espanhol. Mas, no MosaLingua, o que costumamos indicar são também os intercâmbios linguísticos gratuitos, que se baseiam no princípio da ajuda mútua. 

 

Os sites de intercâmbio linguístico^

Esse conceito já é tão difundido que, hoje, há diversos sites especializados em intercâmbios linguísticos, capazes de aproximar duas pessoas que queiram aprender uma a língua da outra.  Depois de encontrar alguém nativo no espanhol que queira aprender português, basta vocês se encontrarem online, agendarem as sessões de conversação e dividirem o tempo disponível em dois: metade para conversar em espanhol, metade em português. Outra vantagem desse método é que ele reduz o medo natural que temos de cometer erros. Afinal, seu parceiro linguístico também está aprendendo a sua língua e, portanto, está na mesma situação.

Conheça nossa seleção dos melhores sites para encontrar de intercâmbio linguístico  para encontrar um parceiro com quem falar espanhol!

intercâmbio linguístico

 

As últimas dicas antes de começar a falar^

Antes de se lançar nas sessões de conversação em espanhol, aqui vão algumas dicas simples, que vão ajudar você a pronunciar melhor:

  • Movimente um pouco sua mandíbula antes de começar. Falar um idioma estrangeiro muitas vezes exige o uso de músculos que não estamos habituados a usar
  • Olhe-se no espelho quando fizer exercícios de pronúncia (no começo, você vai rir… mas aos poucos, vai o quanto isso ajuda na conquista da pronúncia correta)
  • Fale alto e lentamente
  • Não existe em exagerar a pronúncia de todas as palavras
  • Repita a mesma palavra diversas vezes (espaçadamente, para não se engasgar…)

Praticando regularmente, mesmo com sessões de exercícios curtas, você conseguirá melhorar sua pronúncia do espanhol rapidamente!

Quer melhorar seu espanhol?

Junte-se aos milhões de participantes do Clube de Aprendizagem MosaLingua… e obtenha todos os recursos e todas as ferramentas necessárias para se aprimorar! A inscrição e a participação são gratuitas, e você tem acesso a dicas de aprendizagem dos especialistas em idiomas de nossa equipe e de diversos poliglotas.